Image Slider

quarta-feira, 9 de julho de 2014

Review: Teen Wolf 4x03 - "Muted"

Atenção: A resenha abaixo contém spoilers do episódio "Muted", exibido no dia 07/07/2014!




















O episódio começa com uma típica cena de filmes de terror: um garoto no escuro procurando por seu animal de estimação, passeando pela casa com um barulho do piso de madeira rangendo. Ele se esconde no quarto, o suspense cresce, ele olha embaixo da cama e encontra a gata cheia de sangue. Não demora muito para ouvir gritos e logo encontra o assassino com uma machadinha indo em sua direção. A tensão aumenta, o assassino tenta fazê-lo lutar, mas felizmente o garoto consegue fugir pela janela do banheiro.

Assim, o homicídio da família e a fuga do garoto se tornam um dos núcleos do episódio e nos apresenta um pouco aos assassinos que as promos tanto prometeram: homens pálidos e sem boca, que se alimentam (de informações? não entendi o papel do computador) através de um tubo na garganta.



Somos apresentados também a um novo jogador de lacrosse, que ameaça a posição de Scott como capitão do time. Liam é rápido e consegue defender todas as bolas do gol. Fato que nos rende boas risadas com o Stiles tentando desvendar se o garoto é ou não lobisomem. Afinal, tudo é possível.

É engraçado como a nossa mente está tão acostumada com o sobrenatural que algo tão normal como um garoto ser bom no esporte parece estranho. E podemos perceber isso com os outros personagens também, afinal quem lembra do episódio passado e o xerife achando que viagem no tempo poderia ser verdade. Até mesmo nesse episódio, vemos que Stilinski e Melissa se questionam se devem envolver os garotos no caso do homicídio, com a possibilidade de ter algo sobrenatural...

O episódio é bem normal, quase me lembra a primeira temporada quando o maior problema do Scott era o simples fato de ser um lobisomem. Mas não é. E o final nos mostra que Liam terá uma presença grande na vida do pack (alcateia) de Scott.

Bom, cada personagem lida com alguma questão.
Malia não consegue entender matemática e Stiles tenta ajudá-la. Devo dizer que torcendo ou não para o casal, a cena no quarto de Stiles foi bem fofa. Malia resolve explicar o uso de tantos marcadores coloridos em seus estudos e temos quase um flashback de Stiles explicando seu sistema de barbantes quando estava desvendando o mistério do nogstune na temporada passada. Isso mostra o quão parecidos eles são e Stiles percebe isso. A cena dos dois também serve para descobrirem nas anotações de Lydia uma dica do que está por vir. No caderno há diversos números e letras sem sentido que lembram as informações do computador do "assassino mudo". Tadinha da Malia tentando entender e achando que aquilo era matemática.

Derek contrata Braeden para encontrar Kate e assim entender como ele transformou a cor dos olhos e recuperar as cédulas de Peter. Por que os olhos são importantes, você pergunta? Bom, eles transpassam o que o Derek é por dentro.

Kira, por sua vez, descobre que a família vai se mudar. Parece um pouco aleatório que os escritores ponham esse tipo de assunto, afinal sabemos que a Kira ainda vai ficar um bom tempo na série. Enfim, talvez tenha sido uma forma da garota se afirmar. Quando Scott lhe dá um beijo sem perceber, Kira quer entender o que exatamente o relacionamento deles. Devo dizer que adorei a cena: ela fica pasma, enquanto ele está supertranquilo indo para aula até reparar no que fez. Scott acaba se desculpando, mas volta atrás e a beija. De verdade dessa vez. Os dois até agora não tinham realmente algo certo e foi bom que decidimos isso. Além disso, Kira consegue uma vaga no time de lacrosse. Adorei que isso tenha acontecido, afinal faz total sentido. Ela é tão rápida quanto qualquer um deles e sabe usar um sabre como ninguém. A série mais uma vez afirma suas personagens femininas fortes.

Lydia é encontrada pelo policial Parrish na cena do crime. De novo. Parece que está tudo tranquilo, até que a ela tem mais um dos seus insights encontra uma passagem secreta. Os dois chegam a um frigorífero, se é que é esse o nome, cheio de corpos. Momento wtf. A família guarda corpos? Por quê?

Scott tem que lutar pelo lugar de capitão do time mais uma vez e acaba pegando pesado com o novo garoto. Liam vai parar no hospital, que por sinal é onde está Sean, o garoto atacado no começo do episódio. Scott está por lá e ao receber a ligação de Lydia, percebe que algo está errado. A cena encontrada por Melissa é horrível e o garoto que parecia tão indefeso no começo prova ser um carnívoro wendigo, como ele revela. Somos assim apresentados a mais uma "espécie" nova. Sean pega Liam como refém e na briga com Scott, Liam acaba pendurado no alto do prédio.

Nessa hora, Scott não tem muitas opções, com os braços presos, e morde Liam para salvá-lo. Desde que a líder dos Calaveras falou sobre Scott transformar seu primeiro lobisomem sabia que algo aconteceria em breve. Não imaginava que fosse tão rápido ou que fosse desse jeito. Apesar de parecer um pouco irreal, a cena e a mordida fazem sentido se formos pensar em Scott e seu desejo de proteger as pessoas sem afetá-las dessa forma. Era o único jeito que o alfa encontrou de salvar Liam. Acredito que vai ser bem interessante ver o Scott como mentor de alguém que ele mesmo transformou. Quem sabe o Derek o ajude...


O melhor
+A Malia fugindo de matemática.
+Stiles e sua vontade de resolver os homicídios.
+Scott beijando a Kira sem perceber.
+A Lydia e sua reputação de ser encontrada em cenas de crime.
+Kira entrando no time de lacrosse.
+Cena entre Malia e Stiles no quarto.
+Stiles parecia um pai com seu "chega das mensagens".

O pior
-O episódio foi comum, sem nada demais.
-Falta de interação entre Derek e o resto do pessoal.

Nota 8,5

0 comentários:

Postar um comentário

 
UA-48753576-1